Não desperdice sua solteirice!

imagesingle17Talvez você já tenha ouvido, ao menos uma dezena de vezes, que a solteirice é um dom de Deus para nós e que, portanto, não deve ser encarada como um fardo ou algo desagradável e sim, como uma bênção. Mas, nossa primeira reação ao ouvir isso, principalmente vindo de mulheres casadas, é pensar: “Ora, é fácil dizer isso, uma vez que você já se casou”. É muito bom ouvir conselhos de mulheres casadas que, assim como nós, já foram solteiras algum dia. Isso nos traz esperança. Mas é verdade também que ao receber incentivo de uma mulher solteira nos sentimos animadas e consoladas por saber que ela está enfrentando as mesmas lutas e desafios que nós. Sendo assim, aqui vão algumas palavras de uma solteira que, após muito “brigar” com Deus compreendeu que ser solteira não é estar no banco de espera, não é estar sobrando ou ser ignorada por Deus, mas é o alicerce de uma vida frutífera. Enquanto solteiras, nossa tendência é desprezar esse momento tão precioso e útil de nossas vidas. Acredite, esse tempo é mais útil do que você imagina.

Uma das melhores coisas que uma solteira pode fazer é conviver com mulheres casadas. Desde o ano passado tenho tido o privilégio de passar o domingo com algumas famílias da minha igreja e tem sido uma oportunidade de aprendizado sem igual. Um dos conselhos que mais ouço das mulheres casadas é: aproveite seu tempo de solteira.

Embora o casamento seja uma grande bênção e algo desejável, ele é um compromisso que exige total dedicação. Ao dizer “sim”, dizemos “não” a certos aspectos da nossa vida e, por isso, a solteirice, é o momento ideal para cumprirmos determinadas prioridades. Ao invés de passar dias, meses e anos sonhando acordada, esse é o momento propício para aprofundar sua vida devocional. Creio que uma das maiores bênçãos na vida de solteira é o tempo que temos com Deus: tempo pra orar, ler a Bíblia, estudar e crescer em profundidade. Após o casamento a demanda de tempo e atividades se torna cada vez maior, pois o lar requer nossa ação diária e constante e, por vezes, nosso tempo com Deus se torna restrito. Por isso, as sementes que você tem plantado hoje em sua vida devocional são fundamentais em sua jornada; elas darão bons frutos dos quais não somente você, mas seu marido e filhos também usufruirão. Se você não tem semeado um relacionamento profundo com Deus hoje, não espere se tornar uma esposa sábia num passe de mágica. O que você tem semeado nesse período de solteira é o que colherá em sua vida de casada.

A solteirice também é um tempo de investir em si mesma e aprofundar o relacionamento com sua família – aproveite, pois, futuramente, você sentirá muita falta deles – e amigos. Estude, trabalhe, faça cursos diversos, viaje, aprenda a cozinhar e a fazer coisas relacionadas ao lar. Já ouvi meninas solteiras afirmarem que não pretendem fazer faculdade, ou qualquer outro curso porque um dia vão se casar (!). Não faz sentido pensar assim, uma coisa não anula a outra e todas as sementes plantadas hoje serão úteis no futuro. Se você é solteira, viva como uma solteira, estude e trabalhe para a glória de Deus – até porque, você também não sabe o quanto tempo permanecerá nessa solteira e à medida que o tempo passa a vida vai exigindo de nós certa autonomia (não dá pra depender dos pais a vida toda).

Enquanto escrevo essas palavras, me lembro da parábola da cigarra e da formiga. Enquanto a cigarra passou o verão cantando, a formiga esteve trabalhando. Talvez, lá no fundo, ela gostaria de estar simplesmente cantando e “curtindo a vida” sem compromisso algum como a cigarra, mas ela era sensata; ela sabia que, cedo ou tarde, o inverno chegaria e ela precisava estar preparada. Então, ela se abasteceu, se preparou, sem desperdiçar um dia sequer. E, por fim, o que parecia desperdício de tempo, no momento certo trouxe seus frutos. O inverno chegou e a cigarra insensata não estava preparada para essa nova fase, mas a formiga sim. Essa pequena ilustração me faz refletir sobre os seguintes questionamentos: Como você tem encarado seu tempo de solteira? Quais têm sido suas prioridades? Deus nos preparou esse tempo precioso para que o desfrutemos da melhor forma. Aprenda a otimizá-lo, pois uma das bênçãos que a solteirice nos proporciona é o tempo. Saiba aproveitá-lo.

Há muitas solteiras ansiosas por se casar, mas as mesmas também dizem: “Não sei/Não gosto de cuidar de crianças”, “não sei/não gosto de cozinhar”, “não sei/não gosto de cuidar da casa”. Pois bem, se ainda não sabe, esse é o tempo de aprender, pois, uma vez casada essas atribuições serão parte de sua rotina. Por isso, invista seu tempo em coisas úteis para sua formação integral, não somente acadêmica, mas também doméstica. Por vezes, investimos quatro, cinco e até mais anos de nossas vidas nos preparando para exercer determinada profissão e negligenciamos a preparação para o matrimônio, precisamos ser sábias e aprender a remir o tempo. Deus é tão bom que nos concedeu os anos de nossa solteirice como preparo para exercer uma carreira para o resto de nossas vidas: ser esposa e mãe.  Agora é o melhor momento o melhor para nos prepararmos sem grandes pressões e cobranças.

Leia tudo o que puder e o quanto puder, conheça mais a si mesma, aprenda a cozinhar, a cuidar da casa, a costurar (nem que seja um botão), a passar roupas (e camisas sociais!), aprenda a lavar roupas na mão (afinal, nem tudo se resolve com máquina de lavar), aprenda a exercer o dom da hospitalidade, a ser cuidadosa, amável, dedicada; aprenda a dominar suas palavras. E se você tem dificuldades com a submissão, é tempo de começar a exercitá-la, cultive um espírito de mansidão.

“[…] seja, porém [o adorno da esposa], o homem interior do coração, unido ao incorruptível trajo de um espírito manso e tranquilo, que é de grande valor diante de Deus.” (I Pedro 3:4)

Há muito a ser trabalhado em nós e Deus, melhor do que ninguém o sabe e, por isso nos concede tempo útil para nos moldar e aperfeiçoar para Sua glória. Ao invés de listas intermináveis do que você espera em um marido, há itens suficientes para listar aquilo que você precisa aprender, bem como as qualidades e virtudes que precisa cultivar. Diante disso, o tempo de solteira até parece pouco, mas, não se desespere, pois Deus é tão bom que dá a cada uma de nós tempo suficiente. É claro que, por mais que nos preparemos agora, há coisas que só serão aprendidas depois de casadas, mas até lá, há muito trabalho a ser feito e não há tempo a perder.

Compreender que a solteirice é uma bênção de Deus para nós, produz um espírito de gratidão.

Sou grata a Deus pelos sábados quando posso me levantar tarde, pois sei que um dia, quando houver tarefas matinais e crianças lindas e agitadas, me acordando logo cedo, essa mordomia irá terminar.

Sou grata a Deus quando desfruto dos meus períodos de silêncio, leitura e meditação em minhas devocionais, pois sei que um dia outros sons farão parte das minhas manhãs e não terei tanto tempo disponível, mas essas palavras sobre as quais me debruço hoje estarão em meu coração e me fortalecerão.

Sou grata a Deus por ter um tempo para ler meus livros diariamente e o louvo, pois sei que um dia meus livros serão mais coloridos. Ao invés de Teologias Sistemáticas, passarei mais tempo lendo e me deliciando com histórias infantis.

Sou grata a Deus por poder dedicar mais tempo servindo à minha igreja, pois sei que um dia o Senhor me chamará para servi-lo me dedicando ao meu marido, filhos e lar e Ele será proporcionalmente glorificado nisso.  

Sou grata a Deus quando me sento para tomar meu café da manhã sem pressa, e igualmente grata quando me sento para escrever meus textos sem compromisso com o tempo.

Sou grata a Deus por ter minha mãe em casa e desfrutar do seu cuidado, que me permite viver minha solteirice sem grandes pressões e com quem posso aprender diariamente a ser uma esposa excelente.

Enfim, há muitas razões para ser grata a Deus hoje enquanto solteira; assim como haverá muitas outras para ser grata quando eu for esposa, dona de casa e mãe. Quando esse momento chegar, poderei louvar a Deus ao me recordar dos anos de minha juventude e dar graças porque me lembrei do Senhor em todos eles e me foram prazerosos (Ec 12.1). Por isso, lembre-se do seu Criador hoje enquanto você é solteira. Seja grata pelos pequenos vislumbres da graça Deus em seu dia a dia – como ter suas roupas lavadas e passadas sobre sua cama, encontrar uma refeição pronta à tua espera após chegar do trabalho ou da faculdade e poder, simplesmente, se “jogar” na cama sem maiores preocupações. Alegre-se, essas são dádivas do Senhor pra você no dia de hoje.

Por fim, quero deixar dois desafios, o primeiro é um desafio de gratidão: Pelo que você é grata a Deus sendo solteira? Compartilhe conosco e faça desse ato de gratidão um exercício diário.

A lista de coisas a fazer e aprender enquanto solteiras é grande e, por isso, eu quero de desafiar incentivar a fazer a sua própria lista de coisas que você deve a aprimorar: seja em questões espirituais, aperfeiçoamento de caráter, mudança de hábitos, novos aprendizados. Gaste um tempo para se autoanalisar. Muitas jovens fazem listas daquilo que esperam e desejam num homem, mas faça a lista daquilo que você almeja ser como mulher de Deus, e ore a Deus pedindo sabedoria e direção para que, com Sua graça, você alcance isso. Hoje é o tempo propício. Se você souber desfrutar de sua solteirice como a Bíblia ordena, cuidando em agradar ao Senhor, certamente, saberá desfrutar de sua vida de casada, pois a mulher que dedica sua solteirice em agradar ao Senhor (e não a si mesma), certamente agradará ao seu marido. Que o Senhor nos ajude a enxergar a graça que Ele nos tem concedido enquanto solteiras. Não desperdice sua solteirice, desfrute-a para a glória de Deus!

No Amor de Cristo,

Prisca Lessa

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s