O que aprendi com uma pia cheia de louça

Resultado de imagem

Pias cheias de louça deixam qualquer mulher em desespero (#somostodosMarta) e nessa época de festas elas tendem a se tornar ainda maiores! Hoje foi um daqueles dias em que eu não estava nenhum pouco a fim de encarar aquela pia. Porém, aprendi que mesmo através de um amontoado de louças sujas Deus pode falar conosco e nos trazer preciosas lições a respeito da vida.

Isso foi o que eu aprendi com a louça suja:

  • Nada é tão difícil quanto parece.
  • As coisas só parecem difíceis ou impossíveis até você comece a solucioná-las (então, simplesmente comece).
  • Normalmente, ficamos esperando que o outro faça, mas, às vezes, o outro não está incomodado com a situação. Por isso, se algo te incomoda, vá e resolva. Seja dialogando, limpando, reparando, enfim, dê o primeiro passo.
  • Se você deseja ter uma pia limpa, precisa estar disposta a se sujar. Isso se aplica a tudo em nossa vida, nada vem sem sacrifícios. É preciso deixar o glamour de lado e pegar na esponja e no detergente (casamentos saudáveis não se constroem sozinhos, relacionamentos, graduações, trabalhos, ministérios, sonhos). É preciso dar um passo em direção àquilo que almejamos.
  • Dar o primeiro passo é preciso!
  • O primeiro passo é sempre o mais difícil, mas depois as coisas se tornam mais fáceis (nada como ver aquela pia bagunçada toda organizada e pronta pra ser lavada). Coragem!
  • Solucionar (problemas) é preciso.
  • Com paciência, determinação e boa vontade as coisas vão se ajeitando.
  • Má vontade só produz louças quebradas e trabalho dobrado, por isso, tudo o que fizer, faça com amor.
  • Sorria! Sirva aos outros com alegria (por mais que isso te custe no momento).
  • Ficar olhando o problema e reclamando não resolve nada. Seja parte da solução.
  • Lembre-se que os sacrifícios que fazemos nos beneficiam de alguma forma.
  • Encarar os problemas nem sempre é agradável, mas o resultado faz valer a pena.
  • Lavar a louça suja é preciso, não deixe acumular, não deixe pra depois o que você pode solucionar hoje.
  • Toda pilha de louça começa com um copo, um prato, um talher. Não subestime os pequenos conflitos. Dê atenção a eles e resolva-os o quanto antes.
  • Não acumule os problemas. Você pode achar que deixar para solucionar depois é o melhor, mas a nossa tendência é deixar a coisa ir se amontoando até que se torne insustentável e vire um bicho de sete cabeças (mesmo que seja só na nossa cabeça). Nós mulheres em especial (pelo menos EU) temos o hábito de não falar as coisas (quando deveríamos) e ir acumulando. Até que aquele famoso “não é nada” acaba vindo à toda 10 anos depois! Aprenda a não deixar pra amanhã, pra semana que vem, para o mês que vem ou o ano que vem o que precisa ser lavado, ou resolvido hoje. Quanto maior o tempo, mais a louça aumenta e mais a sujeira gruda. Logo, o serviço se torna dobrado!
  • Não deixe o sol se pôr sobre a louça suja. É preciso dialogar e resolver os problemas do dia, não acumule, não deixe para depois.
  • Se você não quer uma pia cheia de louças, crie o hábito de lavar tudo àquilo que usar no momento. Ao invés de acumular ressentimentos, lide com eles no momento, perdoe a cada ofensa, peça perdão na ocasião em que falhar. Não deixe as coisas acumularem, sejam elas: trabalhos, contas, “aquela” conversa… Com certeza, a vida ficará mais leve e a pia mais limpa!
  • Algo só é impossível até que você tente

PS: Aproveitando a deixa… Já que 2016 está acabando, aproveite pra lavar aquela louça que deixou acumular 😉 (em todos os sentidos rs), então:

KEEP CALM AND VÁ LAVAR A LOUÇA

(faz um bem danado!)

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s